O Papel do SESMT nas Empresas

Entender o papel do SESMT nas empresas brasileiras é fundamental para proporcionar um ambiente de trabalho mais saudável e seguro.

Qualquer empresa que almeja ter um nome de respeito no mercado precisa indispensavelmente possuir uma equipe de SESMT. Por este motivo irei abordar um pouco mais sobre o papel do SESMT nas empresas brasileiras.

Criar o ambiente de trabalho ideal se tornou atualmente um dos principais objetivos para qualquer empresa.

O SESMT ou Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho é uma equipe formada por profissionais especializados em Segurança do Trabalho, que tem como finalidade atuar dentro da empresa promovendo a saúde e garantindo a total integridade física e mental de seus funcionários.

Sabendo disso, o SESMT tem o poder de promover um ambiente de trabalho agradável e seguro e que também incentiva os seus trabalhadores a serem mais produtivos.

Após a ocorrência de muitos acidentes com funcionários dentro das empresas, o SESMT atua também alertando os colaboradores sobre as doenças que podem ocorrer no ambiente de trabalho, além disso eles também ajudam a prevenir possíveis acidentes.

Esses profissionais devem ser contratados pela empresa e não podem exercer outro tipo de atividade em seu horário de trabalho além do que seja sua função específica, de acordo com a sua formação.

Equipe do SESMT unida

Qual a finalidade e objetivo do SESMT

Ter o SESMT em uma empresa é bastante positivo pelo fato de dar a devida atenção e de poder proporcionar a segurança e o bem estar dos funcionários no ambiente de trabalho.

Isso acabará impedindo gastos e demais dores de cabeça causados por acidentes de trabalho.

O ambiente de trabalho acaba se tornando extremamente satisfatório e bem recebido por todas os grupos da empresa, gerando ainda um senso coletivo de cordialidade e prontidão para novos projetos e ações de melhoria a curto, médio e longo prazo.

Quem pode formar o SESMT

Dentro das Leis trabalhistas no artigo 162 se mostra um serviço obrigatório em todas as empresas, sendo elas privadas ou públicas, que tiverem empregados sob o regime da CLT.

Se faz necessário ter médico do trabalho, enfermeiro do trabalho e engenheiro de segurança do trabalho bem como também outros profissionais, de acordo com a quantidade de funcionários ou a natureza das operações da empresa.

Ao escolher os membros da equipe para o SESMT é importante ter em mente os profissionais e suas qualificações de acordo com a legislação de segurança, sendo:

Médico do Trabalho: precisa ser Médico que tenha curso de pós-graduação em Medicina do Trabalho, ou então ter feito residência médica em saúde do trabalhador.

Engenheiro de Segurança: precisa ser Engenheiro ou Arquiteto e ter feito pós-graduação em Engenharia de Segurança do Trabalho.

Enfermeiro do Trabalho: deve ser Enfermeiro com pós-graduação em Enfermagem do Trabalho em uma Universidade que ofereça graduação em Enfermagem.

Auxiliar de Enfermagem do Trabalho: precisa ser Auxiliar de Enfermagem e ter complementação do curso em Enfermagem do Trabalho.

Técnico de Segurança do Trabalho: profissional com curso técnico específico em Segurança do Trabalho.

O Técnico de Segurança do Trabalho acaba sendo o principal componente do SESMT, por ter a responsabilidade de avaliar as condições de trabalho e os riscos de operação.

Além de ter como função elaborar planos para que os regulamentos sejam cumpridos, esse profissional precisa também desenvolver programas para a prevenção de acidentes.

Cada profissional do SESMT atua na empresa da seguinte forma:

Engenheiro e Técnico de Segurança do Trabalho:

  • Organizam programas de prevenção de acidentes;
  • Orienta a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, que tem como objetivo a prevenção de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador);
  • Treina os colaboradores quanto ao uso de EPIs, registra e exige o uso do deles;
  • Elabora planos de prevenção de riscos ambientais;
  • Realiza a inspeção de segurança, laudos técnicos, organizando e ministrando palestras e treinamentos.

Médico e Enfermeiro do Trabalho:

  • Previne doenças;
  • Realiza consultas médicas;
  • Trata ferimentos;
  • Ministra vacinas;
  • Faz exames de admissão, periódicos e demissionais;
  • Podendo haver outras funções de acordo com as exigências de atividade de cada empresa.

Tendo em mente que a equipe do SESMT é fundamental para empresas, ao formar uma equipe com base nesses requisitos específicos para cada profissional em sua função, é necessário também escolher profissionais com qualidades como: ter um bom relacionamento interpessoal, capacidade de persuasão e facilidade para trabalhar em grupo.

Ao fazer isso, a empresa estará formando uma boa equipe multidisciplinar de saúde ocupacional, que enfrentará qualquer tipo de desafio relacionado ao trabalho.

Leia Também: Composição e Dimensionamento do SESMT

As responsabilidades da Segurança do Trabalho

A Segurança do Trabalho atua de várias maneiras dentro de uma empresa, sempre direcionada pelos seus objetivos.

Por isso, esses profissionais têm diversas responsabilidades, como:

  • Conhecer a legislação da Segurança do Trabalho e seus detalhes, como suas normas técnicas, bem como o papel do empregador e dos empregados;
  • Se dedicar a estudar e reconhecer todo o seu ambiente de trabalho;
  • Promover palestras e treinamentos para os colaboradores, pretendendo a conscientização e as boas práticas;
  • Examinar as causas de acidentes de trabalho e de doenças ocupacionais, recomendando e implantando medidas corretivas;
  • Conhecer, providenciar e monitorar o uso dos Equipamentos de Proteção Individuais (EPI’s);
  • Além de monitorar os Equipamentos de Proteção de uso Coletivo (EPC’s);
  • Manter a equipe responsável em constante melhoria no que tange análises, correções ou manutenção de ações promovidas;
  • Promover ações relacionadas à área da medicina no trabalho, tais como exames médicos de PCMSO, vacinações obrigatórias, entre outras;
  • Sempre registrar e guardar todas as informações, seguindo as normas vigentes.

Investir em Segurança do Trabalho evita muitos prejuízos financeiros como multas, reclamatórias trabalhistas e altos gastos com médicos.

Além de que, o SESMT na empresa acaba motivando o trabalhador a ser mais produtivo por meio das boas condições de trabalho e da conscientização quanto à prevenção da sua própria saúde e segurança.

Autor

Rafael Lobo

Fundador e sócio-diretor na Conceito Zen, Bombeiro Civil com aperfeiçoamento em Segurança do Trabalho, Técnico em Massoterapia e vencedor do Prêmio Reconhecimento Senac, atua desde 2008 com palestras e atividades voltadas para SIPAT e Qualidade de Vida no Trabalho.

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado – Campos obrigatórios estão marcados com *

O Papel do SESMT nas Empresas Brasileiras - Conceito Zen