5 Dicas para Encarar a Desmotivação no Trabalho

Saiba como renovar sua motivação no ambiente de trabalho com 5 dicas práticas.

A rotina de trabalho tem sido um problema para você? Está difícil acordar e ir para o seu local de ofício? O trajeto casa/trabalho tem sido pior que tortura? É, pelo visto você está desmotivado com o seu trabalho.

Calma! Isso não quer dizer que você deva pedir demissão. Sabemos que o mercado de trabalho está cada vez mais difícil e, talvez, começar uma nova carreira agora seja um pouco arriscado. No entanto, existem algumas práticas e atitudes que vão te ajudar a encarar a desmotivação no trabalho.

E nossa palestra motivacional nas empresas, o trabalho é um dos 5 pilares da qualidade de vida que destacamos para sermos e conquistarmos o que quisermos em nossa vida. Vamos às dicas práticas?

5 dicas para encarar a desmotivação no trabalho

Elaboramos uma lista com 5 dicas para você encerar a desmotivação no trabalho. Lembre-se: trabalhar desmotivado pode ser um grande prejuízo profissional, principalmente quanto a qualidade do serviço prestado e a sua própria saúde psicológica. Fique atento!

Funcionários desmotivados no trabalho

1 – Conheça a si mesmo

Identificar seus pontos fortes e pontos fracos é o primeiro passo para começar a encarar seus medo e expectativas profissionais. Conhecer os valores nos quais você se identifica vai ajudar a te manter atrelado a sua função na empresa.

Veja Também: 5 Pilares para Sua Motivação

Conhecer a si mesmo é um passo importante na hora de entender se o cargo e as atividades que você realiza condizem com o que você pensa.  Vale destacar que você pode ser um excelente profissional, mas se estiver no local errado, não estará extraindo todo o seu potencial e isso causa a desmotivação.

2 – Estabeleça metas

Criar e estabelecer metas durante a sua rotina de trabalho pode ajudar a te manter focado e motivado. Com isso, você sempre vai querer dar o seu melhor e, no fim do dia, alcançar os objetivos traçados.

Para que não cause frustração, comece criando metas alcançáveis, isso vai auxiliar a criar gosto pelas atividades propostas pelo empregador.

3 – Tenha uma vida pessoal saudável

Bater metas, produzir mais, ter um melhor desempenho… Chega uma hora que todas as obrigações de rotina costumam cansar o colaborador e isso gera a desmotivação.

Comece a pensar mais em você, tire um tempo para curtir com os amigos no final de semana, jogar conversa fora. Essa prática funciona como uma reciclagem mental e quando a semana de trabalho começar, você vai perceber que o seu dia será muito mais leve e produtivo.

4 – Reclame menos

Reclamar do chefe, da amiga que te irrita ou da cadeira que você usa não vai ajudar. Já percebeu que quanto mais você reclama, mais situações ruins começam a acontecer? Você passa a ser uma pessoa mais rancorosa, menos amorosa e desmotivada. Reclame menos! Mantenha a calma e tente resolver os seus problemas de maneira adulta.

Converse com o chefe, explique a situação. Fale com aquela amiga e desabafe sobre o que sente. Resolva todos os seus conflitos e comece a focar no seu trabalho.

Veja Também: Importância do Clima Organizacional

5 – Não culpe a si mesmo

Não procure culpados pela sua desmotivação e, de maneira alguma, culpe a si mesmo. Tenha paciência, comece a construir uma nova realidade para você. Se algo deu errado, pense e tente não cometer o mesmo erro. Remoer o que já aconteceu só vai piorar a situação e ocasionar mais ansiedade.

Olhe para frente, siga o caminho e procure por coisas que te motive. Às vezes, por conta de um erro pequeno ficamos totalmente desmotivados, não temos vontade de trabalhar e por aí vai.

O melhor a ser feito é dar um tempo, olhar para tudo o que já fez e crer que aquilo só foi mais um dia ruim. Tudo vai voltar ao normal.

5 Dicas para Encarar a Desmotivação no Trabalho
5 (100%) 1 vote
0
0
facebook

Autor

Iara Pereira

Psicóloga pós graduada em Gestão de Negócios com formação em Personal & Professional Coaching. Sócia-diretora da Conceito Zen, com mais de dez anos de experiência em Treinamentos e Recursos Humanos, atuou em grandes empresas como TNG, Grupo Mapfre Seguros, Bunge Alimentos e Saint-Gobain do Brasil.

Comentários

Nenhum comentário ainda.

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado – Campos obrigatórios estão marcados com *